Ato paralisa atividades na UFPA e chama a atenção para cortes no orçamento

Professores, técnicos e estudantes da Universidade Federal do Pará (UFPA) realizam na manhã desta quarta-feira (19) um ato, aderindo às várias programações que ocorrem em todo o Brasil pelo Dia Nacional de Luta em defesa da educação pública. Uma carreata deve acontecer nesta manhã, após a concentração que ocorre no campus básico da UFPA, no Guamá

Os organizadores dizem que o ato é uma resposta aos cortes orçamentários anunciados na última semana pelo governo federal, e também contra o projeto de lei 5595/20, que pede o retorno das aulas presenciais durante a pandemia, em escolas e universidades, públicas e privadas. 

Em Belém, a manifestação é organizada pela Associação dos Docentes da UFPA (Adufpa), em parceria com o Sinditifes e o Diretório Central dos Estudantes (DCE-UFPA). Desde cedo a concentração ocorre no Mirante do campus no Guamá.

Além de convocar a categoria para ir às ruas, a mobilização dos professores da UFPA também faz nesta quarta uma paralisação das atividades remotas. A parada foi aprovada por unanimidade na Assembleia Geral da Adufpa, realizada nesta segunda-feira (17), seguindo decisão do sindicato nacional, ANDES-SN. 

Os professores da UFPA pediram que o próprio reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho participe do ato contra o corte de recursos. Estima-se em mais de R$ 1 bilhão os cortes que serão aplicados nos orçamentos de instituições públicas do ensino superior em todo o Brasil.

A UFPA sofrerá cortes de R$ 30,3 milhões (18,5%) em relação a 2020. Os cortes, avalia a comunidade acadêmica, impactarão diretamente nas atividades da UFPA, incluindo ações de ensino, pesquisa e extensão e até na assistência à população e ao apoio à inovação em empresas, entre outras ações. “Para garantir o pagamento de despesas, será necessário cortar serviços de manutenção predial e de equipamentos, reduzir contratos de limpeza e vigilância, suspender insumos para laboratórios e limitar atividades que envolvam deslocamento!, apontou essa semana um comunicado da Adufpa.

A redação integrada de O Liberal segue cobrindo a manhã do ato organizado pela UFPA. Acompanhe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Fale conosco!