Política

Vereadores de Manaus aprovam a suspensão do recesso legislativo

Os vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovaram, por unanimidade, na manhã esta segunda-feira, 15, durante sessão virtual, o projeto de Resolução nº 005/2020, que suspende o recesso parlamentar previsto para ocorrer entre os dias 26 de junho a 9 de julho. A proposta é de autoria do vereador Hiram Nicolau (PSD).

Como justificativa para a proposta, a mesa diretora informou que a pandemia da Covid-19 está sendo um dos maiores desafios para a humanidade, impondo a nações perdas significativas, seja na área econômica, seja na área social. “É certo que o coronavírus mudou o ambiente em todo o mundo, inclusive o político. O isolamento social prejudicou consideravelmente a atividade laboral, incluindo a do legislativo de todo o país”, diz o documento.

Para amenizar os prejuízos por conta do isolamento social, a mesa diretora da CMM explicou que, logo que teve início o isolamento social, a Câmara buscou meios para continuar atuando, principalmente para dar a sua contribuição no combate à Covid-19, com a aprovação de matérias essenciais para a atuação do Executivo no amparo aos mais necessitados, por meio das sessões virtuais.

Publicidade

“Por meio de videoconferências e do trabalho remoto, foi possível realizar as reuniões plenárias e as reuniões das comissões permanentes, bem como discutir medidas, com secretários municipais, para o combate à Covid-19. Mesmo assim, muitas matérias ficaram pendentes de análise. Foram priorizadas as votações de proposituras relacionadas a medidas de combate ao coronavírus. Além disso, enquanto a pandemia não se extinguir, a Câmara Municipal de Manaus precisa ficar a postos para a aprovação de qualquer matéria que venha a contribuir para o combate dessa doença que já levou tantas pessoas à óbito”, ressalta a proposta.

Com a decisão, o recesso de meio do ano da Câmara municipal fica suspenso, excepcionalmente, em 2020, devido aos efeitos negativos da pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *