Destaque

Empresa Diagmax recebe e não paga os funcionários há 05 meses e mantém todos os equipamentos quebrados no Hospital João Lúcio

Em plena pandemia do Covid-19 no Estado do Amazonas ainda existem velhos problemas envolvendo contratos na saúde do estado que continuam a prejudicar os serviços para a população.

Isso vem acontecendo diariamente no hospital João Lúcio, a empresa Diagmax que tem como proprietário o Dr. Geraldo Gadelha que presta serviços para o hospital de tomografia, raio x, e ultrassom, porém os equipamentos encontram-se inoperantes a mais de 7 meses e a população vem se prejudicando bastando por conta dessa total irresponsabilidade e falta de respeito que essa empresa vem fazendo.

file:///C:/Users/computador/Downloads/CONTRATO-DIAGMAX.pdf

A empresa Diagmax e o Dr. Gadelha vem desde 2019 se envolvendo em escândalos e falcatruas no sistema de saúde do Amazonas, como falsificação de documentos e até mesmo se passando por outras pessoas.

Veja o vídeo abaixo:

Segundo algumas denúncias enviada a redação do portal relatando que os funcionários estão a mais de 5 meses sem receber, e consequentemente os mesmos quebram os aparelhos para não realizarem o trabalho no hospital.

Conforme a publicação no portal da transparência, a empresa Diagmax recebeu neste último mês uma quantia de R$ 305.116,23.

Esta mesma empresa presta serviços de ecocardiograma no hospital Platão Araújo e vem recebendo o valor líquido de R$ 23.500,00.

É digno de nota que o Dr Gadelha por ser funcionário público desde a época do governo Melo, não poderia assinar contratos com nenhum hospital público, mas na prática não é o que vemos.

Onde está a CPI da saúde que não se faz presente no âmbito hospitalar?

Existem empresas que ganharam em licitações por apresentarem menor preço e serviços. Em virtude de tanta ganância a população sai perdendo e com fatores mais relevantes a se preocupar, o Dr. Gadelha se ocupa constantemente em discernir denúncias falsas, usando programas sensacionalistas que por sua vez foram criados com o objetivo de derrubar o governo atual Wilson Lima.

Publicidade

É muito lastimável ver que em um momento tão delicado como o que estamos vivendo, ver um profissional da saúde com uma empresa hospitalar e não se preocupar com o bem estar da população e de seus funcionários, em vez disso, vive a todo tempo criando denúncias falsas e Fake News.

As Empresas terceirizadas fizeram seu papel em combate a pandemia no Amazonas, com trabalho assíduo, eficaz e doações de mantimentos para pacientes, o governo por sua vez evitou que pelo menos 123 mil pessoas fossem contaminadas pelo novo corona vírus no Estado e que 1,3 mil morressem vítimas da Covid-19.

Qual a contribuição do Dr. Gadelha para a população do Amazonas???

Além de espalhar calúnias em cima de quem realmente está trabalhando, e tem compromisso com o estado a empresa Diagmax terá que devolver mais de R$ 2 MILHÕES ao cofres públicos como relata a matéria postada no dia 19 de Junho de 2019.

Fica o questionamento Dr. Gadelha.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *