Destaque

Policiais são desarmados, espancados mas conseguem matar um dos agressores no Sul do AM

Dois policiais militares pertencentes ao 4° Batalhão da Polícia Militar foram desarmados, agredidos e um deles baleado durante um ataque de fúria de jovens embriagados na madrugada deste domingo no Distrito de Auxiliadora no Rio Madeira na Zona Rural do município de Humaitá, no sul do Amazonas.

As informações são do portal A Crítica de Humaitá.

O fato ocorreu por volta de 1h30 da madrugada de hoje, após a provocação de vários elementos da Comunidades do Jacundá que estavam participando de uma “festa” em um bar próximo ao campo de futebol.

Após a festa, elementos embriagados, se deslocaram para a beira do barranco para retornarem aos barcos rumo ao Jacundá, no.Lago de Uruapiara.

Dois policiais militares da 4° BPM de Humaitá que fazem a segurança no Distrito de Auxiliadora, estavam no Coreto aguardando a passagem de um Barco Recreio que viria a Humaitá.

A turma de jovens que vinham da festa iniciaram uma briga entre si, ocasionando a abordagem policial no local. (Descida da Rampa)

Um elemento identificado como Clayton Motoqueiro, reagiu contra um dos policiais junto com os demais colegas.

Ao revidar a injusta agressão, o policial reagiu, sacou sua arma atirando em Clayton que acabou morrendo após ser atingido pelo tiro.

O revide a injusta agressão dos PMs gerou reação dos colegas da vítima que, agrediram bastante os dois policiais, tomando as armas, e atirando contra um dos policiais ferindo um dos braço a bala.

Publicidade

Revoltados os colegas da vítima, após agredirem e balearam um dos policiais, tocaram fogo na motocicleta da polícia.

Os policiais foram levados para Manicoré pela Ambulancha UTI da SEMSA de Humaitá que fica em Auxiliadora.

O policial ferido está fora de perigo, mas seu quadro clinico inspira cuidados médicos.

A população do Distrito de Auxiliadora madrugou assustada e muita gente ficou bastante agitada durante toda a madrugada.

A policia militar deve enviar reforço ao Distrito ainda hoje. O corpo da vítima, esta sendo velado na casa de parente em Auxiliadora e deve ser deslocado ao Jacundá pela manhã. Informações de populares afirmam que a vitima é filho do sr. “ZÉ FARIAS” do Jacundá.

Colegas da vítima se apos tocarem fogo na motocicleta dos policiais, se apropriaram das armas, como pistola e escopeta.

Elementos ainda armados com a pistola e a escopeta dão policial, retornaram agora pela.manha no Distrito arrastaram a motocicleta queimada e jogaram no barranco confira as fotos

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *