Deputado Fausto Santos Jr. defende a flexibilização ambiental no Amazonas

O desenvolvimento sustentável do Amazonas foi discutido hoje (14/07) na Assembleia Legislativa pelo deputado Fausto Santos Jr. (UB), que defende a flexibilização do licenciamento ambiental. Entre os temas, Fausto falou sobre a realidade do garimpo ilegal, principalmente no sul do Amazonas.

“É possível sim se praticar exploração mineral no Amazonas de forma sustentável, de forma regulamentada. Hoje no Amazonas é praticamente impossível se obter o licenciamento ambiental, e enquanto nós não superarmos esse entrave, o desmatamento será incentivado”, disse Fausto.

O deputado, que já percorreu todos os munícipios do Amazonas e conhece a realidade do interior, explica que para o caboclo do interior não passar fome e cumprir com a responsabilidade de sustentar a sua família, ele não pensa no licenciamento naquele momento e por desespero recorre a prática ilegal. Além disso, Fausto também retrata que por falta de oportunidades, são apenas essas atividades que o povo que vive no meio da floresta conhece.

Na tribuna, ele também ressalta que o estado não pode permitir que haja o desmatamento e desrespeito com a nossa floresta. De forma regulamentada, ele defende o manejo florestal e a responsabilidade com o solo, que só poderá ser realizada com uma flexibilização no licenciamento ambiental, que permita que empresas sérias realizem a exploração mineral no Estado e coloque fim nos garimpos ilegais.

“Nós precisamos dar condições para que a população que vive na floresta possa garantir o seu sustento de forma regular e dentro da lei, tendo condições dignas de trabalho, recebendo incentivos e a oportunidade de fazer cursos profissionalizantes”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *