Hackers pedem R$ 250 milhões para liberar sistema de prefeitura no estado de Espirito Santo

A Prefeitura de Itapemirim teve seu sistema de processamento digital hackeado no início desta semana. Ele só foi retomado na tarde de quarta-feira. Segundo o município, os criminosos chegaram a pedir R$ 250 milhões em bitcoins pelo resgate dos dados roubados.

Um boletim de ocorrência foi feito pela prefeitura, e o ataque cibernético é investigado pela Polícia Civil. O sistema hackeado servia para a tramitação digital de processos, segundo o município.

O valor do resgate foi divulgado apenas na quarta-feira pela prefeitura após uma reunião de representantes do município com o Superintendente Regional da Polícia Federal no ES, o delegado Eugênio Ricas.

Os hackers deixaram uma mensagem em inglês no sistema do município, pedindo para que o pagamento do resgate fosse feito em criptomoedas. O ataque aconteceu na noite do último domingo.

Na quarta-feira, o sistema foi retomado, segundo anunciou a prefeitura pelas redes sociais. Os técnicos do município conseguiram retomar as atividades do sistema graças a um backup.

Fonte: portal do zacarias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *