Meu sonho se realizou, swing.

Tenho 42 anos, tenho uma esposa maravilhosa,baixinha com uma bunda grande e uma bucetinha sempre depilada uma delícia,gosta sempre de realizar os meus sonhos.Um belo dia fomos fazer uma viagem para o sul e fomos as praias, resolvemos ir para tomar um banho de mar, pedir para ela colocar o maiô e enfiar no rabo para mostrar sua bunda e dar mais volume em sua buceta,ela os fez, percebi que todos os marmanjos olhavam para ela comecei a ficar excitado com tudo aquilo, fiquei com tanto tesão de ver aquela situação que resolvemos ir para o hotel,assim que estávamos voltando, para um rapaz que nos abordou começamos a conversar,ele muito ousado passou a mão na bunda da minha esposa eu

fiquei com muito tesão de ver aquela situação e logo falei você tem que ver ela na cama,ela ficou um pouco nervosa e decidimos ir para o hotel, chegando no quarto ela mais que de pressa tirou a roupa e ficou de quatro pediu para meter a minha pistola sem dó ela estava muito molhada e logo coloquei em seu cuzinho ela gemia e gritava de tanto tesão,mais tarde resolvemos ir passear e pedir,ela para colocar uma mini saia e sem calcinha,ela os fez, fomos a um restaurante começamos a falar de algumas fantasias,eu logo falei que queria ver ela com outro ela topou na hora,e fomos para uma casa de swing,logo fomos para pista,um rapaz colocou a mão em sua bunda ela me falou eu mais que de pressa chamei para uma cabine, fomos nos três ela logo tirou a roupa e tirou o meu pênis para fora e começou a chupar o rapaz caiu de boca em sua buceta e no ânus ela gemia de tesão,ele colocou ela de quatro e meteu a pistola sem dó em sua buceta eu comecei a bater uma punheta vendo aquela situação maravilhosa ela gemendo em outra rola e logo depois ele meteu no seu cuzinho,ela metia sem dó sua bunda naquele rola,ela falou que iria gozar o rapaz também,eles gozaram ao mesmo tempo e eu também na punheta foi uma sensação muito boa,logo depois ele falou comigo sua esposa mete muito ela é um tesão de mulher, fiquei muito satisfeito com todo aquele elogio,saímos da cabine e valtamos para a pista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Fale conosco!