Mulher que matou marido que a chamava de ‘gorda e velha’ é presa

A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (13), uma mulher suspeita de matar o próprio marido,  um servidor público em Itajubá (MG)  no mês passado. O servidor público Sérgio Carvalho Silva, de 51 anos, foi morto asfixiado no dia 25 de junho.

A vizinha da esposa, também foi presa, suspeita de ter ajudado no crime. As prisões aconteceram durante cumprimento de mandados das operações “Sicária” e “Acalento”, deflagradas nesta manhã pela Polícia Civil. As mulheres, já tinham sido detidas após o crime, mas na época foram liberadas. 

A mulher que matou o marido disse para a polícia que era constantemente chamada de “gorda e velha” por ele. Para conseguir matá-lo, a mulher teria pedido para que ele a ensinasse técnicas de imobilização.

Segundo a polícia, o marido teria aceitado ser amarrado pela esposa e então ela aproveitou a oportunidade para asfixiá-o com panos e depois, com um pedaço de pão.

fonte: Portal do Holanda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *