Pastor é denunciado por estupro de adolescentes dentro de igreja em SC

  • Pastor foi denunciado por estupro de adolescentes que o acusam de violentá-las em igreja de SC
  • Crimes teriam acontecido há cerca de dez anos na cidade de Penha
  • Defesa do religioso garante que seu cliente é inocente e provará isso

Um pastor foi denunciado à polícia de Santa Catarina por supostamente ter estuprado adolescentes dentro da igreja liderada por ele na cidade de Penha, interior do estado.

De acordo com informações do portal ND+, os crimes teriam acontecido há cerca de dez anos, quando todas as vítimas ainda eram menores de idade.

O suspeito foi identificado como Nivaldo Pedro Gomes. As denúncias foram realizadas no último mês de março, mas foram reveladas somente agora pelo portal.

As vítimas explicaram que decidiram delatar o pastor após superarem o medo, uma vez que o religioso seria uma pessoa com influência na cidade.

Segundo os relatos, Nivaldo aproveitava-se de momentos a sós com as adolescentes para forçá-las a beijá-lo e apalpar suas partes íntimas.

Além das dependências da própria igreja, as residências das vítimas teriam sido palco dos abusos do religioso.

Uma das garotas teria tentado denunciar os crimes em carta, mas o texto caiu nas mãos de lideranças religiosas que impediram que ele chegasse à polícia. Na ocasião, inclusive, Nivaldo e sua esposa teriam pedido “perdão” à família da jovem.

Atualmente, o religioso está afastado da igreja. A defesa de Nivaldo alega que o idoso, hoje com 77 anos, sofre de problemas de saúde e precisa de acompanhamento médico constante. Além disso, garante que o cliente é inocente em todas as acusações feitas.

A Polícia Civil investiga o caso, já ouviu o acusado e, agora, aguarda o término dos depoimentos das vítimas para dar sequência à investigação.

O que é abuso sexual infantil?

O código Penal brasileiro prevê que o abuso infantil é todo envolvimento de uma criança em uma atividade sexual na qual ela não compreende. Por não entender a situação, a criança não está apta a se defender e, tampouco, informar consentimento.

O abuso infantil ainda é uma realidade brasileira, e de acordo com dados do Disque 100 em 2019, pelo menos 17 mil denúncias foram feitas.

Vale ressaltar que nem sempre a criança entende a situação, e permanece em silêncio, vindo a comentar sobre o crime apenas na idade adulta.

Se enquadram neste crime as modalidades: pedofilia, violência sexual, abuso sexual e exploração sexual.

Contatos para denunciar abuso sexual infantil:

  • Disque 100
  • Ouvidoria Online
  • Proteja Brasil

Disque 100

Bem como nos casos de homofobia e racismo, as denúncias de abuso infantil podem ser feitas anonimamente por meio do número 100 no telefone. Vale lembrar que todos os relatos são encaminhados para órgãos de investigação competentes.

Ouvidoria Online

Por meio do link: https://www.gov.br/mdh/pt-br/ondh/, o usuário pode preencher um formulário que será encaminhado para a central de atendimento do Disque 100.

Proteja Brasil

Trata-se de um aplicativo que pode ser instalado gratuitamente no telefone de um usuário. Por meio de um formulário, o indivíduo pode realizar a denúncia, que também será encaminhada para a mesma central do Disque 100.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *