Prefeito David Almeida participa de lançamento do programa de fortalecimento das capacidades sustentáveis na região amazônica

O prefeito de Manaus, David Almeida, comandou nesta quarta-feira, 20/7, a reunião do Conselho Municipal de Gestão Estratégica, com os grupos empresariais do Banco Mundial, da Câmara Brasília de Indústria da Construção e especialistas do International Finance Corporation Brasil (IFC), para o lançamento do programa de fortalecimento das capacidades sustentáveis na região amazônica, em especial Manaus, além das capitais Belém, Palmas, Porto Velho e Rio Branco. O objetivo é trabalhar com agentes públicos e educar e incentivar os atores do mercado a projetar construções sustentáveis.

“Ontem eu estive reunido com o Banco do Brasil, antecipando o que aconteceria hoje, com os investimentos que fizemos fomos contemplados como uma das primeiras, talvez a primeira cidade do Brasil com esse selo sustentável, e é isso que estamos buscando. Nós temos aqui o maior projeto, o mais exitoso da história do mundo de preservação ambiental, chamado Zona Franca de Manaus, que nos dá a oportunidade de preservar 97% da nossa floresta, fazendo com que sejamos um case de sucesso para todo o mundo, e agora com a vinda do IFC aqui para a cidade de Manaus, vamos ter um protagonismo ainda maior, e essas construções sustentáveis vão agregar a tudo aquilo que nós já buscamos com relação a preservação do meio ambiente e sustentabilidade. A cidade de Manaus é o porto seguro dos investimentos, nós somos e queremos ser os facilitadores dos investimentos e agradeço por escolherem nossa cidade”, destacou Almeida.

O ponto central do programa é a divulgação da certificação EDGE, desenvolvida pela IFC e que ajuda os construtores a avaliarem as maneiras mais econômicas de incorporar recursos de construção verde em seus projetos.

“Hoje em dia as construções têm que ser sustentáveis, temos que olhar para o futuro, estamos vendo o que está acontecendo com a mudança climática. Por isso, com essa conjugação do setor público com o setor privado, vamos conseguir fazer cidades mais sustentáveis e gostaríamos que Manaus estivesse na frente dessa corrida”, enfatizou o gerente-geral da IFC no Brasil, Carlos Leiria Pinto.

O Programa de Transformação do Mercado de Edifícios Verdes da IFC vem sendo implantado há alguns anos na América Latina e Caribe (LAC), especificamente no Peru, Colômbia e México.

A reunião faz parte das ações da Prefeitura de Manaus, que identificam projetos que melhoram a qualidade de vida da população a custo zero para o município.

O programa apoia os municípios por meio de assessoria técnica, de forma inteiramente gratuita, que compreende a capacitação de funcionários municipais no conhecimento sobre as construções sustentáveis, com o objetivo de definir incentivos atrativos e adequados, bem como apoiar a elaboração de regulamentação legal (leis, decretos, normas etc.), ajudar na divulgação junto ao mercado e monitorar os resultados alcançados. Todas as atividades previstas ocorrem em um prazo estimado de 4 a 6 meses.

— — —

Texto – Beathriz Torres / Semcom e Divulgação / IFC

Fotos – Dhyeizo Lemos / Semcom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *