Venezuelano suspeito de matar homem na feira Manaus Moderna é preso com armas de fogo, drogas e três comparsas em hotel do Centro da cidade, Zona Sul

Uma denúncia recebida por policiais militares, na madrugada desta sexta-feira, 22, resultou na prisão do venezuelano Uandelas Firmino, 33, por crime de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.


Outros três venezuelanos, entre eles um adolescente de 17 anos, que formavam a quadrilha de tráfico e roubo, liderada por Uandelas, também foram presos no hotel Doral, situado na Avenida Joaquim Nabuco.


O estrangeiro também figura como suspeito de matar comum tiro na cabeça o vendedor ambulante William Gabriel de Souza Magalhães, 26, na tarde da última segunda-feira, 18, na Feira Manaus Moderna, centro de Manaus, Zona Sul.

Uandelas já vinha sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e teria executado o vendedor ambulante, motivado por uma dívida de tráfico de droga que gerou uma rixa entre eles.

No ato da prisão da quadrilha formada somente por venezuelanos criminosos e de alta periculosidade, foram apreendidas duas armas de fogo, munições, porções de drogas, telefones celulares e uma quantia em dinheiro.


A quadrilha formada por venezuelanos que vinham aterrorizando a zona central de Manaus com assaltos, tráfico de drogas e o assassinato que teria sido cometido pelo líder do grupo estrangeiro.


Participaram da ação equipes de policias da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop), Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (SEAI) e 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

O venezuelano Uandelas Firmino foi autuado em flagrante delito, mas os policiais também confirmaram que ele seria transferido para a DEHS onde é investigado pelo assassinato de um homem na Feira Manaus Moderna no começo da semana.

Fonte: Portal do zacarias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *