Wilson Lima vistoria início de asfaltamento da AM-010, que tem fábrica exclusiva de produção de asfalto para celeridade da obra

Amazonas – Nesta sexta-feira (29), o governador do Amazonas, Wilson Lima, vistoriou a aplicação da primeira camada de asfalto no quilômetro 165 da nova AM-010. Semanalmente, o governador tem inspecionado os trabalhos na via que, após 40 anos, está recebendo obras de modernização.

Durante a vistoria, Wilson Lima também acompanhou a produção do asfalto empregado nas obras da rodovia. Uma fábrica foi montada especificamente para atender a demanda dos trabalhos e produz 160 toneladas de asfalto por hora.

“Eu vim aqui para fiscalizar e acompanhar o trabalho e todas as vezes que a gente vem, percebe o quanto tem avançado. Nós já começamos o processo de pavimentação. Nossa meta é pavimentar um quilômetro por dia, entregar 100 quilômetros (até o fim do ano) e deixar ela trafegável”, disse o governador.

Os trabalhos de reforma e modernização são coordenados pela Secretária de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana (Seinfra). Além da pavimentação, 51 quilômetros da via já receberam serviços de tapa-buraco com o objetivo de deixar a AM-010 trafegável.

O governador destacou que dos 250 quilômetros da rodovia, 48 já receberam limpeza lateral, expandindo para além da pista e acostamento 5 metros para os lados. A pista de rolagem terá sete metros de largura e os acostamentos serão ampliados em 1,50 metros para ambos os lados.

Frentes de obra

São seis frentes que obras em diferentes quilômetros que, além da pavimentação, regularização dos acostamentos, limpeza lateral e reciclagem, realizam terraplenagem e tratamento da erosão.

Além de proporcionar mais segurança para quem trafega na via, o projeto gera 8.907 empregos diretos e indiretos.

Em uma dessas frentes trabalha Manoel da Silva Lima. Morador de Manaus, ele se diz feliz ao encontrar com moradores de ramais que ficam ao longo da rodovia AM-010 e que elogiam o trabalho que está sendo feito.

“Hoje a gente vê um sorriso no rosto das pessoas. Eles param tiram fotos, fazem vídeos e postam nas redes sociais. Param e cumprimentam a gente. É muito bom a gente ver isso. Eles dizem ‘obrigado pessoal, agora vai sair’. E vai sair mesmo”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *